Cada dia limpo é uma benção

Mãos quase se tocando (solidariedade)Caros colegas de luta:

Tenho 37 anos, sou casado, tenho um filho, e sou um dependente de pornografia em recuperação.

O meu objetivo aqui é simples e despretensioso,  contribuir de alguma forma para vos dar uma força extra, que vos deixe pelo menos, mais um dia livre.
Vivemos na era do pensamento acelerado. Tudo demora demasiado tempo, não temos paciência para nada. Fui apanhado no meio desse turbilhão.
A minha viagem esta aprofundada no meu relato, aqui apenas queria ressalvar o que achei mais importante.

Divido o meu reboot em 3 fases:

Na primeira fase, cerca de 20 dias, nada difícil ficar sem P. Ansiedade em níveis assustadores, superpoderes de boa disposição e sociabilidade no máximo!

Segunda fase, até ao dia… Talvez 70 – ereção muito boa mesmo sem estimulação constante, EP sem melhoras aparentes. Superpoderes mantém-se, uma ou outra flatline pelo caminho, mas curtas.

Terceira fase – até agora: foco nas coisas boas da vida, otimismo quase sempre presente. P longe. M mais longe ainda. EP? Tem dias. Melhora com a frequência ( ou falta dela ) com q tenho sexo.

O meu maior desafio? Efeito caçador – não vou mentir, é esmagador. so agora consigo lidar melhor com isso, por isso considero impossível o reboot com M, o efeito caçador vai-te … Caçar, mais cedo ou mais tarde.

O nosso maior aliado, é o nosso cérebro. Foi ele que nos levou a isto, mas também é ele que nos pode (curar) basta acreditar.
O nosso pior inimigo: o computador, o telemóvel, a internet. Não havia história de DE em miúdos de 20 anos, antes de haver banda larga. Largar o vício, significa mudar de estilo de vida, não vai dar de outra Maneira.

Maior problema : ansiedade. É a causa de todos os males. 20 % da população mundial sofre de depressão, mas 80% sofre de ansiedade. É um predador silencioso. Desacelerar a nossa vida é fundamental para o reboot. A nossa vida depende disso – podem ler mais em ansiedade – pensamento acelerado, como a humanidade adoeceu coletivamente, psiquiatra Cury.

Onde estive, onde estou, onde quero estar.  Ter sempre presente as nossas conquistas, cada dia limpo é uma benção deve Ser celebrado como isso. A minha admiração imensa para os que conseguem o reboot em modo hard, nunca ninguém saberá o quão difícil é, sem passar por lá.

É o homem que salvou minha vida, e continua a ser a luz de todos nós. Projeto. Palavras são poucas, Agradeço cada dia que te “conheci”

A todos os que dão de tudo para ajudar os outros nessa batalha, e acolhem os seus fracassos e sucessos como se fossem deles… Muito obrigado.

Fonte: http://comoparar.forumeiros.com/t857-dead-dummy-rising